• Ícaro Silva

Cem anos de livros da Agatha Christie



Para iniciar a história a seguir, é necessário conhecer um pouco da autora centenária a qual vamos celebrar neste ano de 2020: Agatha Christie. Compreendê-la é importante para o posicionamento feminino e seu destaque na sociedade e na literatura, culturalmente, dominada por homens. Pode-se ver que, durante muitos anos, ela vem quebrando barreiras e dando destaques para muitas outras mulheres nesse cenário.


Nesse centenário de seu primeiro livro “O Misterioso Caso de Styles”, de 1920, podemos considerá-lo uma missão cumprida, pois o mesmo vendeu mais de 2 bilhões de cópias.


As várias edições de "O misterioso caso de Styles" já publicados aqui no Brasil, por diversas editoras.


Para isso, vou contar um pouco para vocês da história de um assassinato inusitado! Acompanhe esta resenha e depois procure o exemplar na biblioteca do Colégio, caso queira ler o livro na íntegra.

“Convite para um homícidio”


A história se passa pós-segunda guerra mundial e tem um início um tanto intrigante: um jornaleiro começa nossa viagem e nos leva até um convite relativamente inesperado. No famoso jornal da cidade, Chipping Cleghorn Gazette, somos convocados para uma festa na casa da Sra. Blacklock, conhecida por toda Chipping Cleghorn.


Sra. Blacklock logo se desespera por esse convite. Ela entra em estado de alerta, procurando entender o motivo disso tudo e o porquê dela ser a escolhida para sediar esse acontecimento. Eis que chega o dia do grande evento e a Sra. Blacklock prepara toda a casa para os convidados mencionados no jornal, no desafio de entender o que está por trás da bizarra história que aponta muito suspense e que está acontecendo nesse pequeno bairro, Little Paddocks.


É importante ficar atento à atmosfera criada nesse livro e aos mistérios que os cerca. Muitos segredos e desconfianças dos personagens vêm à tona, pessoas contaminadas por suas suspeitas alheias se revelam, mostrando-nos o quanto não sabemos sobre os personagens do bairro Little Paddocks.


Logo em seguida aos acontecimentos desse convite, começaram as investigações para descobrir tudo que houve naquela noite conturbada. O detetive inicia suas buscas para encontrar a resposta deste caso, resposta essa cada vez mais profunda, descobertas cada vez mais relevantes. Um caso diferente, com características específicas, como: um ator, um homicídio, um revólver, uma noite, um jantar e uma lanterna.


O Sr. Craddock tenta decifrar todos os códigos camuflados para ver se esse convite não seria uma brincadeira. Busca encontrar quem provocou este “Convite para o Homícidio” e quem seria essa pessoa que se submeteria a tamanha estranheza; por seguinte, as investigações continuam e o detetive da cidade ainda está à procura do então suspeito do crime.


A chegada de Miss Marple é diferente e com pouca aparição, mas sendo ela uma senhora com grande conhecimento da natureza humana, entra nesse caso junto ao Sr.Craddock para tentar desvendá-lo, situação esta que está preocupando todos os moradores envolvidos e a alta sociedade. A proporção desse caso estende-se em um nível muito grande no qual todos passam a ser suspeitos e Miss Marple começa a entender e a questionar os fatos que o detetive a tinha apresentado, ajudando a destrinchar cada pista desta história mirabolante.


Sr.Craddock resolve fazer algumas buscas ao passado da Sra.Blacklock, na tentativa de encontrar os fatos que a cercam e solucionar o evento que acabou em tragédia. O Sr.Craddock se depara com uma senhora aos cuidados de uma enfermeira, a tão esperada Sra.Goedler, que nos relata episódios de tudo que aconteceu no passado...


Ao voltar, pronto para resolver esse fatos, o Sr.Craddock fica com mais dúvidas ao chegar em Chipping Cleghorn e o desfecho dessa história fica infindável. Mais um desaparecimento e mais uma morte acontecem no vilarejo Chipping Cleghorn.


Eis que chegamos a um período da história no qual todos os acontecimentos começam a criar formas e as verdades estão aparecendo; estamos, então, próximos do momento da história em que o verdadeiro assassino está perto de todos e as suspeitas diminuem de quem poderia ser.


Por fim, chegamos ao desenlace deste “Convite para um homicídio”, com o caso resolvido! Craddock e Miss Marple se deparam com o inusitado e a resolução deste cenário tem um fim surpreendente.


Quem será esse assassino?

Cabe a você descobrir quem é ele(a)!

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Convite para um Homícidio: um caso de Miss Marple.

Autora: Agatha Christie

Tradução: Maria Isabel Garcia

Editora: Harper Collins Brasil

Páginas: 263.

Foto: Coleção Agatha Christie, Blog: Prefácio

153 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo