top of page
  • Foto do escritorGabriela Traversim

Kate DiCamillo: 8 livros da autora para conhecer essa contadora de histórias

Kate DiCamillo é uma autora de livros infanto-juvenis nascida na Filadélfia, Pensilvânia (EUA). Ela adora contar histórias, tanto que se diz uma pessoa muito sortuda por ganhar a vida escrevendo livros. A maioria de suas obras possui animais como personagens principais vivenciando experiências do nosso cotidiano. A seleção de livros de hoje é para conhecer (e se apaixonar) pelas histórias dessa autora fantástica.


Flora e Ulisses

Esta história começa do jeito que uma aventura de heróis deveria começar: com uma tragédia, mas o que seria tristeza, se transforma em força vital para mudanças nas mãos de Kate DiCamillo. Uma história com personagens engraçados, cheios de vida e com diálogos inteligentes recheia estas 233 páginas. Flora é uma menina, muito cínica, de acordo com ela mesma. A partir desta tragédia inicial, ela conhece Ulisses, um esquilo com poderes especiais: força sobrenatural (para um esquilo), capacidade de voar e um talento para poesias, embora com erros ortográficos.

Juntos, Flora e Ulisses, irão fomentar uma amizade ainda mais sólida após este incidente trágico, se ajudam e mutuamente ajudam os outros, mostrando ao mundo o poder da solidariedade, da amizade e do amor. Este livro foi adaptado para o cinema em 2021, pelos estúdios Disney! Depois de ler o livro emprestado da nossa biblioteca, você pode assistir a adaptação e contar para gente qual dos dois é melhor.


Louise: as aventuras de uma galinha

Louise, uma galinha como sabemos pelo título do livro, mas ela não é uma galinha comum. A começar pelo fato de que ela ansiava por uma aventura! Tanto que, decidiu sair do galinheiro para vivê-la. Em meio a piratas e um mar revolto, Louise embarca em uma aventura extremamente entusiasmante. Mas, após uma tempestade, ela é obrigada a voltar para casa. Mas você leitor, achou que parou aí a vontade de Louise de se aventurar? Pois está enganado. Quando o circo chega à cidade, Louise vê uma nova oportunidade surgir no horizonte. E isso a levou às alturas!

A história se desenrola a partir das peripécias desta galinha nada convencional e que anseia profundamente por uma aventura inimaginável, mas o que ela não sabe é que o que buscava, no fundo mesmo, era algo mais próximo dela do que ela imaginava.


O verão de Raymie Nightingale, Louisiana longe de casa e Beverly, aqui e agora: Uma trilogia

Esta trilogia de livros começou com a publicação da história de Raymie Nightingale, no livro “O verão de Raymie Nightingale”. O segundo nome da personagem faz alusão a enfermeira inglesa, Florence Nightingale, objeto de admiração da menina que, a partir da separação de seus pais, começa uma busca por um autodescobrimento e descobre uma força para superar essa situação familiar na amizade um tanto quanto controversa com Beverly Tapinski e Louisiana Elefante.

As três rancheiras, como a autora denomina as meninas, são amigas improváveis: uma destemida e obstinada, uma valentona teimosa, mas de coração mole, e a terceira, sonhadora e frágil, mas de um coração surpreendentemente bom, se completam em suas necessidades e transformam suas dores em força para transpor a dura realidade que vivem.

Em “Beverly, aqui e agora”, a menina já adulta, revisita seu passado em uma tentativa de entender quem ela foi, para decidir o que ela será hoje. Indo embora para uma vida que ela ainda não conhece, Beverly Tapinski aprende a enxergar a vida de outro modo, a partir de sua nova experiência, nessa nova vida.

O último volume, “Louisiana longe de casa” conta a história de Louisiana Elefante, assim como Beverly, em um momento diferente da sua vida, de quando a conhecemos em “O verão de Raymie Nightingale.” A menina, extremamente ligada à sua avó, que tem ideias mirabolantes e um tanto quanto perigosas, a chama para colocar o pé na estrada. Mas, agora mais madura, Louisiana se vê hesitante a seguir a ideia da avó e começa a questionar os cursos de sua vida, tendo que descobrir quem ela é e o que ela quer ser.


O elefante do mágico

As histórias de Kate são marcadas por acontecimentos tensos que são o pontapé inicial para a ação dos personagens e este livro não seria diferente dos demais. Aqui, o protagonista é o Peter Augustus Duchene e após o desaparecimento de sua irmã ele se vê encurralado: como ele poderia encontrá-la sendo apenas um menino órfão? Milagrosamente, um elefante aparece em sua vida e dentre este acontecimento, outros mais estapafúrdios ainda aparecerão em sua vida. A história de Peter Augustus Duchene é cheia de esperança e superação e, junto disso tudo, um toque de mágica deixa o enredo ainda mais rico. Este também foi um livro de Kate que foi adaptado para o cinema e é a mais recente adaptação das obras dela, lançada agora em 2023 pela Netflix!




A história de Despereaux

Outro livro da autora, ganhador da medalha Newbery, “A história de Despereaux” é um livro de amor, antes de mais nada. Assim como no clássico “A princesa e o sapo” um ser, marginal da fauna, um camundongo, se apaixona por uma princesa. Como poderia um ratinho ser digno do amor de uma nobre senhora? Como se não bastasse, essa também é a história de outro rato chamado Roscuro, que vive na escuridão, mas não quer mais viver nela. Outros personagens incríveis nos são apresentados nesta encantadora história que poderia facilmente ser um conto de fadas. Despereaux é um nobre ratinho, cheio de coragem e bravura que irá conquistar o coração dos leitores.

A história de Despereaux foi adaptada para o cinema em, com o título de “O Corajoso Ratinho Despereaux”. Quem dublou a Princesa Ervilha foi a atriz Emma Watson, conhecida por interpretar a Hermione Granger nos filmes da série Harry Potter.


A extraordinária jornada de Edward Tulane

Por último, mas não menos importante, temos a jornada de Edward Tulane, que como sabemos pelo título do livro será extraordinária. Esse coelho chamado Edward Tulane vivia a vida de brinquedo tranquilamente, muito bem cuidado pela sua dona, a menina Albilene, até que um dia ele se perdeu.

Kate tem o dom de transformar a adversidade em fantasia e fazer brilhar os olhos do leitor, através de leituras instigantes e improváveis. Edward sai em uma viagem pelo oceano, é resgatado, conhece um pescador até viajar por muito e muito tempo.

Para reencontrar o caminho de casa, Edward vai precisar reaprender o que é amor: como é amar e se sentir amado.

E, creio eu, que essa seja uma das coisas mais significativas das obras de Kate DiCamillo: em cada uma delas, encontramos pequenos registros sobre o que o amor é para as pessoas, exemplos que são extremamente significativos e que deixam marca em quem os lê.


205 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page